sexta-feira, 15 de junho de 2012

Castelo e Casa da Quinta da Mata - Semelhe, Braga

Segundo alguns sites (2), teria sido construído no século XIII o Castelo de Semelhe, pelos Eremitas de Santo Agostinho do Convento do Pópulo, na atual Quinta da Mata. Dada a sua importância, o Castelo está presente no brasão da freguesia. 

A propriedade foi comprada em 1919 pelo brasileiro João Rego, que a murou. Não se sabe muito sobre a origem e o valor patrimonial da atual Casa da Quinta da Mata, nem sobre a existência e localização do Castelo de Semelhe.

Porém existem referências, que a atual casa da Quinta da Mata, tem origem no castelo do séc. XIII, combinando vários estilos arquitectónicos: gótico, barroco e manuelino.
Este imóvel ainda não tem registo no Sistema de Informação para o Património Arquitectónico (SIPA).
Um estudo aprofundado da Casa e Quinta da Mata, ajudaria a esclarecer qual o seu real valor e a existência do Castelo de Semelhe.



Vista aérea no "Bing Maps".


Foram também reveladas duas fotografias da Casa, a partir do arquivo da Fotografia Aliança

Desconhecendo-se o real valor do atual imóvel, está poderia contudo, ser incluído no Roteiro dos Solares de Braga e do Minho. 
Como forma de captar e dar a conhecer tal roteiro, num dos Solares da cidade de Braga, devia ser criado um "Solar Museu" que incluiria informação detalhada de todos os Solares existentes no concelho e região. Além disso, devia também ser disponibilizado um serviço, que permitisse a visita aos solares constantes no roteiro.