terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Sete Fontes - Património em risco (2)

Pode ler-se no Diário do Minho

Complexo das Sete Fontes vai ter plano de salvaguarda
31 Jan 2012

Direção Regional de Cultura revela aos peticionários intenção da Câmara
A Câmara Municipal de Braga vai retificar o Plano de Pormenor das Sete Fontes para Plano de Pormenor de Salvaguarda. A intenção foi comunicada ao grupo de peticionários pela salvaguarda daquele monumento nacional pela Direção Regional de Cultura do Norte, durante uma reunião no Porto. Outra das medidas referidas pela Direção Regional foi a realização de um estudo hidrogeológico pela Universidade do Minho, que estará concluído dentro de seis meses. As entidades acordaram na necessidade de ser avaliado em profundidade o impacto da rotunda e das vias previstas pela autarquia bracarense para a área da Zona Especial de Proteção.

Finalmente e após muita luta a CMB parece finalmente aceder à realização do Plano, falta a remoção total das zonas urbanizáveis dentro da Zona Especial de Protecção (ZEP), e a realização do Parque com as respetivas infraestruturas.

Quanto à rotunda e às vias previstas, e caso sejam construídas, parece ser possível a redução das mesmas dentro da ZEP, sem reduzir a capacidade das mesmas.

Fonte JovemCoop


Desviando a rotunda para Noroeste, e alterando também assim os traçados das vias que a ela convergem, para fora da ZEP.
Aqui fica um esboço dessa opção.
Esta proposta foi enviada em tempo oportuno durante a consulta feita pela CMB.